Zeólitos asiáticos

    Zeólitos do decão indiano

    Sessenta e oito milhões de anos antes de estar a ler esta página um ponto quente, situado actualmente na região da Ilha de Reunião, dava origem a enormes erupções vulcânicas que duraram, com enorme intensidade, cinco milhões de anos. Estas erupções extraordinárias deram origem aquilo que designamos por Decão. O Decão teria originalmente 500.000 Km 2 situando-se cerca de 500 km para Norte, Sul e Este de Bombaim.

    Actualmente é o Decão indiano o grande fornecedor dos mais espectaculares e belos zeólitos do mundo... apenas a sua abundância retira algum interesse aos colecionadores de zeólitos e minerais associados. Investigações realizadas mostram que os zeólitos indianos depositaram-se  preferencialmente por acção de soluções hidrotermais pós vulcânicas,  cristalizando a temperaturas entre os 40 e os 250ºC. As cavidades mineralizadas encontram-se fundamentalmente nas lavas de tipo pahoehoe, sendo raras nas lavas AA, sendo as mais interessantes para a ocorrência de zeólitos as que possuem diâmetros entre os 10 e os 50 cm. Tais cavidades encontram-se em maior abundância nas escoadas intermédias e superiores do Decão.

    Na minha coleção de zeólitos possuo, neste momento, poucos exemplares indianos e apenas pretendo ter exemplares de estética elevada. Sublinho, no entanto, o facto de possuir quatro espécimes flutuantes, rondando os 3 cm, de heulandites de cor verde. Estes espécimes devem a sua cor a inclusões de celadonite e encontram-se à venda com a proveniência Poona. Na verdade trata-se de uma localização errada já que parecem ser originários de Shakur situada a cerca de 150 km para norte.  De Shakur podem também ser encontrados exemplares de stilbite e, mais raramente de calcite e apofilite, com a mesma coloração devido às inclusões de celadonite. Estou à espera de encontrar exemplares com localizações mais precisas. Uma última nota para referir que muitas das stilbites indianas poderão, de facto, ser stellerites.

 

Lista de exemplares indianos (incompleta)

 

Apofilite XX, Puna, Maharashtra, Índia, 7x5.5 cm (para completar paragénese)
 
Apofilite XX (verde), Puna, Maharashtra, Índia, 6x4.5 cm (para completar paragénese)
 
Apofilite X (cristal tabular), Puna, Maharashtra, Índia, 3x2.5 cm (para completar paragénese)
 
Cavansite e stilbite (esfera de ~13 mm), Pedreira de Wagnoli, Puna, Maharashtra, Índia, 4x4 cm
 
Heulandite (cristais flutuantes com inclusões de celadonite), Shakur, Maharashtra,  Índia, ~3 cm (4 exemplares)
 
Heulandite, Aurangabad, Maharashtra,  Índia, 8x7 cm
 
Okenite em calcite, Bombaim, Maharashtra, Índia, Ex Don Belsher, 4x3 cm (para completar paragénese)
 
Okenite e Girolite, Bombaim, Maharashtra, Índia, 6x5 cm (para completar paragénese)
 
Prehnite depois de laumontite, Kandivali, Puna, Maharashtra, Índia, 8.5x6 cm (para completar paragénese)
 
Stilbite (salmão), Jalgaon, Maharashtra, Índia, 5x4 cm
 
Stilbite (branca), Jalgaon, Maharashtra, Índia, 8x7 cm (ex. Don Belsher)
 
Stilbite em Scolecite, Bombaim, Maharashtra, Índia, Ex Scott Williams, 5x3 cm
 
Stilbite (salmão) em Mordenite, Lonavale, Puna, Maharashtra, Índia, 7x4.5 cm, Ex Scott Williams (1981)
 
Stilbite e quartzo, Nasik, Puna, Maharashtra, Índia, 7x5.5 cm
 
Thomsonite, Aurangabad, Nasik, Maharashtra, Índia, 5x3 cm
 

Rússia asiática e Cazaquistão

Heulandite, 7×5 cm, Rio Amudikha, Sibéria, Rússia. Colecção de Ricardo Pimentel e fotografia de Dan Weinrich.

 

Gmelinite e Stellerite, Mina Sokolovsko-Sarbayskaya, Rio Tobal, Rudniy, Kusteni Oblast, Cazaquistão, 6x5x4,  Ex. N. Luppescu 
 
Heulandite, Rio Amudikha, Sibéria, Rússia, 7x5 cm.
 
Stellerite, Mina Sokolovsko-Sarbayskaya, Rio Tobal, Rudniy, Kusteni Oblast, Cazaquistão, 5.5x3 Ex. William Wall
 
Stellerite, Mina Sokolovsko-Sarbayskaya, Rudniy, Cazaquistão, 5.5x3, coleção e foto de Ricardo Pimentel
 
Stilbite e heulandite,  rio Amudikha, Tunguska, Mirny, Yakutia, Sibéria, Rússia, 9x6 cm, Ex Rudy Tschernich
 
Thomsonite,  rio Amudikha, Tunguska, Mirny, Yakutia, Sibéria, Rússia, 2x2 cm, Ex Rudy Tschernich
 
 
 

A galeria de fotos está vazia.